POLITICA DE COOKIES
Utilizamos cookies para assegurar que lhe fornecemos a melhor experiência na nossa página web. Ao continuar a navegar consideramos que aceita o seu uso.
COMPREENDO E ACEITO

Censos 2021


Os Recenseamentos da População e Habitação, que se realizam de dez em dez anos, são operações estatísticas fundamentais para o conhecimento das principais características da população e da habitação do país, a sua realidade social e económica, produzindo também informações imprescindíveis para a tomada de decisões do sector público e privado.

Em Portugal, no dia 19 de abril, inicia-se a resposta aos Censos 2021 pela Internet.

Todos beneficiaremos dos dados estatísticos que o INE disponibilizará à sociedade, incentivando o estudo do presente para planear melhor o futuro.

Mas a realização eficaz dos Censos só é possível através da colaboração empenhada de toda a população, pelo que este Instituto está a mobilizar um vasto conjunto de entidades públicas e privadas para o apelo a essa colaboração. A participação da população nestes recenseamentos, para além de obrigatória nos termos da legislação, é, sobretudo, um direito de cidadania e um ato cívico fundamental para o conhecimento do País.

É neste contexto que respeitosamente solicitamos a Vossa Excelência o seu apoio e o da sua Comunidade na garantia de que todos os indivíduos contam neste Censos. Cada um de nós pode fazer parte desta importante operação nacional: respondendo pela Internet até 3 maio e informando os que estão ao nosso redor para o fazer.

Assim, permita-nos que lhe solicite que providencie no sentido de serem transmitidas orientações a todos os ministros de culto para que, nas cerimónias religiosas a realizar perto do momento censitário, 19 de abril (sugerimos de 17 de abril a 3 de maio), seja feito um apelo a todos os fiéis para a resposta rigorosa e empenhada aos Censos 2021, preferencialmente pela Internet.

Os censos com resposta eletrónica era já, sem dúvida, a opção estratégica do INE. Neste momento de saúde pública tão excecional como a que estamos a viver, esta opção de resposta revela-se ainda mais importante.

A partir do dia 5 de abril tem início a distribuição das cartas pelos recenseadores nas caixas de correio em todos os alojamentos do território nacional com os códigos necessários à resposta.

Quando a resposta pela Internet não for possível, a população tem ao dispor outras alternativas, nomeadamente:

• telefone para grupos da população com maior dificuldade na resposta pela Internet ou impedidos de contacto presencial, nomeadamente por razões de saúde pública;

e-balcãonas Juntas de Freguesia (mediante as condições de acessibilidade locais e em função da respetiva situação de saúde pública);

• autopreenchimento dos questionários em papel, entregues pelos recenseadores, que cumprem um rigoroso Protocolo de Saúde Pública, e que se preveem em número reduzido face às alternativas de resposta sem contacto com o Recenseador.

Solicitamos, ainda, a divulgação dos Censos 2021 e da importância da participação de toda a população, através dos vossos canais de comunicação (internos e/ou externos), sugerindo fazer uso do Kit dos materiais de comunicação que pode ser descarregado através deste link: https://censos.ine.pt/xurl/doc/489932804.

A nossa equipa está disponível para qualquer contato ou esclarecimento que entenda por necessário. Caso estes materiais não sejam do formato mais adequado para a sua utilização, agradecemos que contacte: info@ine.pt.

Tudo faremos para contar com a sua Comunidade.
Informação mais exaustiva sobre os Censos 2021 pode ser obtida em censos.ine.pt
.