POLITICA DE COOKIES
Utilizamos cookies para assegurar que lhe fornecemos a melhor experiência na nossa página web. Ao continuar a navegar consideramos que aceita o seu uso.
COMPREENDO E ACEITO

Ponto SJ - Isto vai ser uma maratona


Caros amigos,

Isto vai ser uma maratona. Já estamos um pouco nervosos, sem saber bem o que fazer e como gerir todas as dimensões da nossa vida: familiar, profissional, comunitária. Mas, na verdade, este tempo de ficar em casa está apenas a começar. Para este longo caminho que nos espera serão importantes os laços, o cuidado uns com os outros e a capacidade de não estreitarmos o nosso horizonte e a nossa sensibilidade. Os Jesuítas em Portugal, através do Ponto SJ, desejam, à sua medida, contribuir para este esforço, abrindo a partir de hoje um “Ponto de abastecimento” gratuito e de livre acesso. Como nas maratonas, queremos que funcione como um lugar onde cada pessoa possa ir tratando da sua sede.

Estamos em casa, não estamos paralisados. Queremos continuar sensíveis, despertos e atentos. Por isso, este Ponto de Abastecimento estará organizado em cinco diferentes estações, cada uma delas nomeada com um verbo: acompanhar, celebrar, rezar, pensar e jogar.

1. Acompanhar:

Converse com um Jesuíta 


Atravessamos um tempo diferente de todos os outros que já vivemos. Podemos necessitar de ajuda para encontrar o sentido no que está a acontecer. Uma conversa pode ajudar a encontrar o bem de cada situação ou a luz que não reconhecemos ao olhar à nossa volta.

Por isso, os Jesuítas em Portugal oferecem um serviço de acompanhamento para tempos de quaresma em regime de quarentena. Este serviço não se destina a quem já tem acompanhamento espiritual regular ou que a ele possa facilmente aceder. Nesse caso, pode contactar diretamente com a pessoa que o acompanha ou com alguém que conheça.

Este serviço destina-se a quem necessite de conselho ou orientação espiritual para viver melhor estes dias e não o consiga encontrar de outra forma. O acompanhamento será feito por telefone ou vídeo-chamada (skype, whatsapp, etc). Não se trata, de celebrar o Sacramento da Reconciliação, mas de uma conversa espiritual.

Se tiver alguma dificuldade a inscrever-se pode contactar-nos entre as 15h e as 16h30 (2ª a 6ª) através do número 217 543 060.

2. Celebrar: 

Ofereceremos a possibilidade de participar na Eucaristia diária, através de emissões online, via youtube. Já começámos este fim de semana, no canal de Youtube do Ponto SJ. Mas a partir de agora será assim:

Domingo: 12h, 19h e 22h
Diariamente: 22h
Terça e quarta-feira: 19h15

3. Rezar: 

Apontamentos de fé – Para ficar em casa sem perder o norte, cinco jesuítas disponibilizam, ao final de cada manhã, (de 2.ª a 6.ª feira) meditações áudio de 2 a 3 minutos a partir do Evangelho do dia. Para que possa ir alimentando o ânimo e a esperança através da Palavra.

2.ª feira: P. Paulo Duarte, sj I 3.ª feira: António Lourenço, sj I 4.ª feira: P. Nuno Branco, sj  I 5.ª feira: Nelson Faria, sj I 6.ª feira: P. Sérgio Diz Nunes, sj

Rubrica com o P. Paulo Duarte, sj.

Pausas para inspirar: Terminar o dia e encontrar a paz através de meditações audio dirigidas a todos os profissionais (de saúde e não só) que estão na linha da frente a trabalhar para cuidar dos doentes e de tudo o que precisamos para estarmos bem em nossas casas. Esta proposta será preparada pelo P. António Santana, sj e pelo Vasco Teixeira, sj.
Às 21h no Ponto SJ.

Conferências Quaresmais – Concluiremos o programa de conferências quaresmais que estava previsto para o auditório do Colégio São João de Brito. A primeira foi com o P. Carlos Azevedo Mendes, sj e já está disponível aqui. A próxima será disponibilizada na quinta-feira.

Retiro da Semana Santa – Uma proposta para viver bem a semana maior da vida cristã desde o Domingo de Ramos até ao Domingo de Páscoa. Será brevemente apresentada com mais detalhe.

4. Pensar

Ajudar a refletir sobre este tempo, com artigos de opinião e outros conteúdos, alguns ainda em estudo e preparação e que serão anunciados em breve. Teremos tertúlias digitais, com propostas de discussão para fazer em grupo e online a partir de textos e pistas de reflexão.

Podcast “Vai ficar tudo bem”

Como gerir este tempo e os desafios que nos vai trazendo? Seja a solidão, a morte de alguém querido, a tensão em casa, o isolamento imposto pela doença ou até o sentimento de culpa por ter infetado alguém? Estas são questões muito exigentes que a psicóloga Rute Agulhas procurá abordar no seu podcast semanal.

Ao sábado no Ponto SJ, a começar já esta semana.

5. Jogar 

É preciso não perder a dimensão lúdica da vida e por isso vamos fazendo diferentes propostas que mantenham viva: play lists; propostas de jogos para fazer em casa e com a família, de leituras, de filmes, de esquemas para actividade física e de visitas virtuais.

A primeira playlist já foi proposta por Miguel Araújo e pode ser consultada aqui. A segunda irá para o ar no próximo sábado.

Instruções de uso do Ponto de Abastecimento: 

1 – Escolha o que mais ajude e convenha em cada momento. Não é preciso ler, ouvir e ver tudo. Haveria risco de sobre dosagem. Diversificamos as propostas porque é preciso atender a diferentes dimensões e necessidades da vida mas desaconselhamos vivamente uma atitude de açambarcamento e consumismo.

2 – Não é só para si. Uma das coisas que mais desejamos é ajudar a reforçar os laços e o sentido de pertença. Fale com outras pessoas sobre o que aqui encontrou. Partilhe os conteúdos. Deixe comentários no Ponto SJ que fomentem boas conversas.

3 – Envolva-se e participe. Diga-nos se o que vamos propondo o está ajudar. Faça sugestões e críticas.

4 – Seja paciente. O que aqui propomos é exigente. Há muita gente a dedicar-se. Mas como todos os outros, quem vai elaborando as propostas está em casa e os recursos técnicos disponíveis raramente serão profissionais. Além de tudo, talvez nem sempre consigamos dar tanto como gostaríamos, nem responder a todas as expectativas e desejos.

5- Agradeça e peça ajuda. Os últimos dias já nos ajudaram o perceber como ferramentas como o Ponto SJ podem ajudar a congregar. A experiência de comunidade que temos feito é mesmo muito bonita. Agradeça estar ligado a outras pessoas. Peça ajuda se se sentir sozinho. Estamos juntos nesta maratona.

Queremos fazer juntos esta maratona. Temos recebido sinais de enorme generosidade e disponibilidade de pessoas que querem oferecer a sua ajuda e criatividade. Muito obrigado a todos os que trabalharam e se disponibilizaram para que nos seja possível oferecer todo o que estamos a sonhar para ir construindo este posto de abastecimento. Todos os que participam da missão dos Jesuítas em Portugal querem participar do esforço comum a que a sociedade e a Igreja estão a ser chamadas.

Obrigado por ficar em casa. Obrigado por sair de casa para nos servir a todos. Faremos juntos esta maratona.

Que Deus nos dê perseverança, discernimento, imaginação e alento!