POLITICA DE COOKIES
Utilizamos cookies para assegurar que lhe fornecemos a melhor experiência na nossa página web. Ao continuar a navegar consideramos que aceita o seu uso.
COMPREENDO E ACEITO

JMJ 2023: Comité Organizador Diocesano do Porto iniciou funções


Apresentamos aqui a estrutura interna, os rostos e os nomes do Comité Organizador Diocesano da JMJ no Porto. Em reunião online o bispo do Porto agradeceu o empenho de todos e pediu que sejam tocados os mais afastados. 

Decorreu na passada quinta-feira, 25 de fevereiro, por via online, a primeira reunião dos 18 membros que compõem o Comité Organizador Diocesano (COD) do Porto da Jornada Mundial da Juventude (JMJ) 2023. Uma equipa constituída para dinamizar na diocese do Porto o grande evento de juventude marcado para Lisboa daqui a dois anos.

Como tem sido repetido muitas vezes pela organização da JMJ, o caminho de preparação da Jornada é o mais importante desta iniciativa criada por S. João Paulo em 1985. Mais do que os dias do grande encontro em 2023 será essencial fazer caminho com os jovens.

A organização das pré-jornadas, a preparação do acolhimento de quem nos visitará e a animação e dinamização dos grupos e movimentos de jovens serão algumas das principais atividades que o COD, agora criado, deverá levar a efeito.

Na primeira reunião, o bispo do Porto a todos saudou motivando para o trabalho a realizar. “Conto convosco” – disse D. Manuel Linda assinalando que podem contar com ele. “Foram considerados dignos para esta missão” – declarou aos membros do COD.

O bispo do Porto fez dois pedidos: “que nenhum movimento fique para trás” e que “toda a gente seja tocada”, principalmente os que estiverem “mais afastados” da Igreja. “Tocados com muito otimismo” – frisou.

Por sua vez, o padre Jorge Nunes, diretor do Secretariado Diocesano da Pastoral da Juventude assinalou neste encontro o desafio do acolhimento e a importância das pré-jornadas. A todos pediu empenho e proximidade. Assume coordenação do COD juntamente com o padre André Machado.

Apresentamos aqui a estrutura interna, os rostos e os nomes do Comité Organizador Diocesano da JMJ no Porto.